Circuito de Oralidades com Nelson Maca

Ministrante: Nelson Maca

Entrada franca

Performance poética fundada na questão da negritude. Texto, voz e corpo em simultaneidade na execução de poemas que transitam entre o belo e o bélico. Em seu universo criativo, Nelson Maca encena versos que exploram temas, formatos e ritmos da diáspora africana. Sua performance dialoga com elementos expressivos da música, do teatro, das artes plásticas e da indumentária negra. Objetiva e simbolicamente, explora narrativas históricas, reflete sobre as heranças da escravidão e explora relatos e figurações do candomblé, a exemplo da simbologia dos Orixás. Preparada originalmente para o Circuito de Oralidades do Arte da Palavra, do SESC, trata-se de uma manifestação da identidade negro-baiana.

Nelson Maca é poeta, militante do Movimento Negro e professor de Literatura Brasileira da Universidade Católica de Salvador. Fundou o Coletivo Blackitude: Vozes Negras da Bahia, que articula o Sarau Bem Black, o Slam Lonan, o Encontro de Literatura Divergente e a Balada Literária da Bahia. Participou de várias coletâneas de poesia e lançou o livro de poemas “Gramática da Ira”.

Evento Detalhes
  • Data do evento
    3 de julho de 2018 19h
  • Data Final
    3 de julho de 2018
  • Classificação
    Livre
  • Categorias
  • Mais informações
  • Local
    Centro Cultural Sesc Glória